Adicione aos Favoritos
Clique para Pesquisar
    
 
"Toda a Verdade passa por três fases.
Primeiro, é ridicularizada.
Segundo, é violentamente atacada.
Terceiro, é aceite como evidente"
Schopenhauer

VISITAS
1639432
Desde 13/06/06

O tremendo significado de um beijo!
PDF Imprimir e-mail

Por Rainer Daehnhardt
Domingo, dia 7 de Agosto de 2011. No bosque dos carvalhos sagrados de Belas.

Perante a assistência de centenas de pessoas, que vieram para a Apresentação do Elmo de D. Sebastião, recentemente regressado, uma jovem aproxima-se da mesa dos oradores.

Ninguém sabe, nem sonha, o que se passa dentro do seu coração.

O silêncio é total.

Mais dois passos e encontra-se perante a cobertura em aço com que O DESEJADO enfrentou tudo e todos para tentar salvar o seu Portugal.

As brechas da viseira do ELMO permitiram ao Luso Monarca ver as suas hostes, bem como a imensidão dos adversários, o que em nada o fez desistir, porque é para cumprir que se nasce!

Hoje, estas aberturas na viseira, parecem-nos vazias, porque nas limitações do nosso mundo tridimensional não nos é permitido ver mais além.

Imaginemos então uma força omnipresente, inclusivamente dentro do elmo, que vê a Jovem a aproximar-se.

Os seus olhares cruzam-se. Reconhecem-se. Alegram-se pelo reencontro.

O raciocínio lógico cai por terra, rende-se perante a força emocional que do subconsciente se levanta.

O coração da jovem bate com tal força que lhe forma um nó na garganta.

As pupilas dos seus olhos alargam-se, ela estende os braços.

Recebe o Elmo de D. SEBASTIÃO nas suas mãos.

O frio do metal podia acordá-la deste momento de transe, mas não, é o seu calor que passa a ser absorvido pelo aço.

Recebe o ELMO, como se de uma criança recém-nascida se tratasse.

Cobre a superfície do elmo com tanta vontade de a agarrar, que ambas as mãos, e todo o interior dos seus dedos, o tocam.

Encosta o elmo ao seu peito, debruçando a cabeça por cima deste seu momento de tesouro, como se o quisesse proteger e guardar para sempre.

Percebendo que não pode permanecer mais tempo com ele, por respeito a tantos que a rodeiam, exprime os seus sentimentos e desejos para com o NOSSO REI MENINO da maneira mais bela, mais doce, mais humilde e mais verdadeira, que apenas uma grande alma pura consegue fazer.

Levanta o elmo em direcção à sua cara e baixa a cabeça de novo, dando-lhe um beijo.

Os seus lábios cheios de calor e vida humana, transmitiram tudo o que puderam a este mensageiro que agora nos foi enviado.

Foi um dos mais belos e verdadeiros beijos que me foi dado a honra de assistir!

Simbolizou o grito da Lusa Alma: "SÊ BEM VINDO, DOM SEBASTIÃO!"

Obrigado e um grande Bem Haja!


Lido: 2617

  Seja o primeiro a comentar este artigo

Escreva um comentário
  • Por favor, faça um comentário relacionado apenas com o artigo.
  • Os comentários serão validados pelo administrador antes de aparecerem no site.
  • Evite erros ortográficos e/ou gramaticais.
  • Ataques verbais e/ou pessoais não serão publicados.
  • Não utilize os comentários para fazer qualquer publicidade.
  • Se preferir, não necessita de indicar o seu e-mail.
  • Caso tenha indicado um código de validação errado, faça *Refresh* para obter um novo.
Nome:
E-mail:
Página Pessoal:
Título:
Comentário:

Código:* Code
Pretendo ser contactado por e-mail caso haja futuros comentários

Powered by AkoComment Tweaked Special Edition v.1.4.6
AkoComment © Copyright 2004 by Arthur Konze - www.mamboportal.com
All right reserved